Sejam Bem Vindos!


Sejam bem vindos!

Hoje (07.05.2010), eu e minha fisioterapeuta Debora Cervinho,
criamos este blog para que eu possa contar um pouco da minha história,
compartilhar o meu dia a dia e um pouco da minha luta.



quarta-feira, 5 de janeiro de 2011

Que aparato eh esse?!






Isso tudo para eu sair de casa, ir no hospital e voltar!!!
Voces viram pelas fotos o aparato que tem uma ambulancia em caso de emergencia.
Esse eh o dilema que eu enfrento: poder ou nao sair...
Pelo Home Care essa eh a unica possibilidade que  eu tenho para poder sair  de casa.

Meu desejo eh exercer meu direito, garantido pela Constituicao Brasileira, de ir e vir. Tenho 33 anos e quase 5 anos dentro de casa. Quero sair!!! 

Para sair com seguranca, alem dos equipamentos que jah comprei (principalmente a bateria que dura aprox. 15h) , eh necessario um aspirador portatil, um cilindro de O2 pequeno, um ambu e a presenca do tecnico e da fisioterapeuta (nesse caso o menor dos problemas, pois a propria Debora me acompanharia) E PRINCIPALMENTE A LIBERACAO DO HOME CARE.

Com esses equipamentos disponiveis, existe uma frota de taxi especializada para me transportar com seguranca. Eh uma Doblo com elevador e visao panoramica. Tudo que eu preciso para poder voltar a curtir a Cidade Maravilhosa. Dentro da ambulancia, a unica visao que tenho eh a do teto do carro...

Sei que nao eh tao simples e tenho consciencia dos riscos que vou correr, mas QUERO VIVER!!!
O mais justo eh o Home Care entender a minha luta pela vida. Uma vida melhor e mais saudavel!!!!

Espero em breve estar postando fotos e videos dos meus passeios, num sinal de VITORIA!!!

8 comentários:

  1. Quem sabe, você será o primeiro a inspirar uma idéia de serviço, prestado pelo home care, de qualidade de vida! Seria ótimo enviar seu post não só para o home care quanto para todos os sites irmãos! Demais!

    ResponderExcluir
  2. O tal Doblò adaptado custa uns $100000, não lembro se é com ou sem as isenções. Mas aquele elevador dele é meio pesadão e acaba forçando demais a estrutura, se tivesse menos burocracia para liberar aquelas adaptações de rebaixamento do assoalho traseiro ficaria até mais em conta, e com o perfil original acabaria garantindo mais privacidade ao usuário (e facilidade para acessar estacionamentos cobertos, onde às vezes algumas placas de sinalização penduradas no teto ficam baixas demais).

    ResponderExcluir
  3. No momento o mais simples seria pleitear uma nova ambulância que tivesse as laterais abertas para você poder ao menos ver a paisagem que o cerca.

    ResponderExcluir
  4. A Doblo nao seria comprada. Existe uma frota de taxi, de Doblos adaptadas.

    ResponderExcluir
  5. Rodrigo, está vendo que seu post suscitou idéias!!! É isso aí!

    ResponderExcluir
  6. Filho, todos acompanhamos sua luta desde o início , aqui em casa achamos mais que justo o seu direito, esperamos que pessoas (HOME CARE)pensem bastante e fiquem sensíveis com seu desejo. Estamos com você!!!!!

    ResponderExcluir
  7. Pode não ser fácil, mas não é impossível!!!!
    Acredito na capacidade de discernimento de toda a equipe que cuida de vc e acompanha seu caso nesses 5 anos.
    Creio que cada um deles saberá pesar o que realmente significa "melhor qualidade de vida" e garantir o seu direito de ir e vir.
    Claro que depois de tanta luta todos se sentirão vitoriosos em vê-lo vivendo de uma forma que pra eles mesmos seria um verdadeiro milagre.
    Como diz o seu médico, pessoas que te socorreram nem acreditam que vc está vivo...
    Em breve vc estará vendo o Rio sentado!!! Tenho certeza que o Home Care ficará feliz de proporcionar isso. Sinal que cuidam bem de vc.

    ResponderExcluir
  8. Ki chato pensava que já tinha saido pra dar uma voltinha pela cidade; mas de qualquer maneira vc saiu de casa emborá que de ambulância mas saiu né mil bjs p vc

    ResponderExcluir